Aprenda a escolher os produtos para pele oleosa

Brilho, sebo em excesso, poros dilatados, acnes. Essas são algumas das principais características da pele oleosa. Justamente por isso, é fundamental investir em uma boa skincare. Neste conteúdo, nós vamos lhe ajudar a escolher os melhores produtos para pele oleosa.

Escolher os produtos certos de acordo com seu tipo de pele faz toda a diferença, pois, dessa forma, você estará oferecendo a sua pele exatamente o que ela precisa e ajudando a ficar ainda mais bonita e saudável.

Além das dicas deste conteúdo, aproveite e faça o nosso quiz para receber indicações de produtos ainda mais personalizadas!

Como é a pele oleosa?

A pele oleosa, como o próprio nome indica, é aquela que sofre com o excesso de produção de sebo, o que a torna mais brilhante e com aspecto engordurado. Ela também pode apresentar: poros dilatados e tendência maior à formação de cravos, espinhas e acnes.

Uma pessoa pode ter a pele oleosa por questões genéticas e também sofrer com o problema devido ao excesso de sol, dieta rica em alimentos gordurosas ou estar sob forte estresse.

Como escolher os produtos para pele oleosa?

Para manter sua pele livre do óleo em excesso e dos problemas que isso pode trazer, é fundamental investir em uma rotina de cuidados que envolve higienização, hidratação, tratamento e proteção solar – e todas essas etapas exigem o uso de produtos para pele oleosa.

Higienização

A limpeza é uma etapa fundamental na rotina de cuidados da pele oleosa. Como ela produz mais sebo que os outros tipos de pele, é importante procurar por um sabonete específico para essa pele, que seja capaz de retirar o excesso de oleosidade, oferecendo uma sensação de refrescância e toque seco por mais tempo.

Existem sabonetes e espumas de limpeza específicas para pele oleosa, que ajudam a limpar e controlar a oleosidade, retirando o aspecto brilhoso, mas sem ressecar demais a pele (que pode causar o efeito rebote e piorar a produção de sebo).

Outra dica importante é em relação à frequência da limpeza. Prefira realizá-la duas vezes ao dia, pela manhã, ao acordar, e antes de ir dormir. Lavar em excesso também contribui para o efeito rebote.

Hidratação

Essa é a etapa que mais gera dúvidas nas pessoas que têm a pele oleosa, porque muitos acreditam que podem dispensar a hidratação. Mas não é assim que funciona. Quanto mais desidratada sua pele estiver, maior será a produção de sebo, piorando o quadro da oleosidade.

Então, se você quer controlar e melhorar a sua pele oleosa, não pule a parte da hidratação, porque ela é extremamente importante. Mas, é claro, procure por um hidratante específico para a sua pele.

O hidratante para pele oleosa, portanto, é aquele com toque seco (é absorvido quase imediatamente pela pele), efeito mate e fórmula oil free. Também é indicado que o hidratante tenha algum tipo de tecnologia antioleosidade, que ajude a controlar a oleosidade da pele.

Alguns exemplos são: vitamina C (antioxidante que ajuda a uniformizar a pele), AHA de limão (controla a oleosidade sem deixar a pele ressecada), enxofre, melaleuca, argila verde, ácido salicílico, asebiol e alantoína.

Não se esqueça de conferir como é a textura do hidratante, que deve ser mais leve e não gordurosa.

Tratamento

Na hora de escolher as máscaras de tratamento para peles oleosas, prefira aquelas indicadas para seu tipo de pele e que ajude a controlar a oleosidade ou que trate outros problemas que podem ser causados pela oleosidade excessiva, como a acne.

Uma boa sugestão são as máscaras que têm argila na sua composição, pois esse é um ativo capaz de absorver a oleosidade da pele, controlando o brilho e tendo ação adstringente e secativa (interessante para as peles acneicas). Outra boa ideia são as máscaras com ativos antioxidantes.

Proteção

O protetor solar é um companheiro indispensável e que deve ser usado todos os dias. Para as peles oleosas, é importante escolher um protetor com FPS mínimo de 30, garantindo proteção adequada e evitando que os danos solares piorem a produção de sebo.

Também prefira por aqueles produtos com fórmulas oil free, efeito mate e toque seco. Alguns produtos ainda contam com fórmulas capazes de controlar a oleosidade, dando aquele reforço extra no seu tratamento. Você pode optar por versões com ou sem cor.

Depois de todas essas dicas, ficou mais fácil escolher os produtos para pele oleosa? Faça o nosso quiz e veja nossas indicações de produtos exclusivas para o seu tipo de pele!